Marknet Itens
Segurança da informação: Saiba como proteger seus dados e de seus consumidores

Tudo o que passa pela internet são dados, e, quer sejam sigilosos ou não, merecem ter todo o cuidado de um bom sistema de segurança da informação. Afinal, grande parte dos sites estão sim expostos e sujeitos a ataques cibernéticos que visam o roubo de informações. Por isso, diante de tanto conteúdo disponível a apenas um clique, a rotina de segurança deve ser contínua, estratégica e fazer parte do dia a dia de todos que estão online. 

Inclusive, a partir de iniciativas como a ECSM (Mês Europeu de Segurança) ou NCSAM (Mês Nacional de Consciência em Segurança Cibernética), Outubro se tornou um mês dedicado para à Segurança da Informação, aumentando a conscientização do assunto. Mas se você não faz ideia do que seja segurança da informação e quer saber um pouco mais sobre o tema, continue lendo este post. 

Entenda o que é segurança da informação 

A segurança da informação é requisito fundamental em qualquer companhia. Essa nomenclatura, também conhecida como segurança da internet e segurança cibernética, se refere à prática de defender e assegurar informações e dados sigilosos, garantindo que apenas os responsáveis de direito tenham acesso. Integridade, legalidade, disponibilidade, confidencialidade e autenticidade são considerada a base para esse processo. Desta forma, políticas e métodos fazem parte da circulação de dados confidenciais e são controlados pelo departamento de TI.  

Além disso, a segurança da Informação também pode ser utilizada individualmente, nas redes sociais, por exemplo, protegendo dados e garantindo privacidade. Afinal, em um mundo em onde muitas atividades são realizadas simultaneamente, é cada dia mais importante ter um site seguro e evitar os diversos tipos de golpes na internet, assim como eventuais erros imprevistos.  

Impacto do ataque cibernético no Brasil 

De acordo com a Fortinet, o Brasil é um alvo recorrente dos cibercriminisos ao redor do mundo, que procuram sistemas ainda não corrigidos ou atualizados. Um exemplo disso é que o nosso país sofreu 15 milhões de tentativas de ataque cibernético em apenas três meses. Este dado alarmante reforça a necessidade de investir em segurança da informação para garantir que você mantenha o seu site seguro

Saiba quais são as ameaças online mais comuns 

As ameaças à segurança da informação na internet vem a partir de muitas vertentes. Desde malware e sistemas maldosos, até mesmo processos despretensiosos ou má gestão do administrador.  

Conheça alguns dos mais frequentes, de acordo com o CyberSource: 

  • Teste de cartão bancário: teste de compra com um cartão de débito ou crédito que foi furtado para saber se foi bloqueado pelo proprietário;
  • Controle de conta: é uma violação de um sistema de segurança onde informações sobre cartões de crédito e contas bancárias ficam disponíveis, podendo acarretar em fraudes financeiras.
  • Botnets: rede de computadores que foram infectados por malware. Essa rede permite conseguir acesso às informações do usuário sem que ele saiba;  
  • Phishing: páginas fakes, porém muito semelhantes às de outros sites verdadeiros, com a intenção de confundir o usuário;
  • Infraestrutura de servidor de hospedagem: as informações contidas em todos os sites estão hospedadas em um grandes servidores e você deve ter atenção e escolher o sistema mais seguro. 
  • Falhas técnicas: É comum acontecer erros ao atualizar um sistema, instalar um plug-in ou componente. Por isso, sempre tenha um backup do site online que atualize automaticamente;
  • Erros humanos: afinal, errar é humano, mas não deve ocorrer com frequência. 

Dicas essenciais para proteger seu site  

Senha simples, ausência de itens básicos de segurança da informação e outros gaps no seu site podem facilitar o acesso dos hackers. Por isso, separamos três itens fundamentais e que vão te auxiliar a manter o seu site seguro. Confira: 

Certificado de segurança SSL 

Esse protocolo criptografa as informações trocadas no site, dificultando o acesso aos dados de um cartão, por exemplo. Ele é a maneira mais habitual, fácil e segura de proteger o seu site. 

Backup do site 

Importante e essencial, o backup online e automático facilita o seu dia, salva todas as informações e te mantém preparado contra possíveis ameaças. 

Senhas fortes 

Se você acha que sua senha 123456 é boa, esteja preparado para mudá-la assim que terminar de ler este texto. Isso porque, ela é uma das cinco senhas mais inseguras do mundo, de acordo com o NCSC, seguida por: 123456789, qwerty, senha e 111111. Porém, a empresa de cibersegurança Avira mostrou que a senha mais insegura do mundo é o espaço vazio, que representa 25,6% dos ataques.
Então, para impedir que ciberataques aconteça, invista em senhas que contenham letras, caracteres e números, e formem um forte nível de segurança, elevando o grau de dificuldade para acessar informações do seu site. 

 

Vale destacarmos que tanto no e-commerce quanto o site da Marknet, possuímos todos os certificados e cuidados em relação à segurança da informação. Aqui, você está seguro! 

Então, agora que você já aprendeu sobre a importância da segurança da informação, garanta que o seu site esteja bem estrutura e seguro, continue sua leitura entendendo a importância da hospedagem de site e como escolher.

Tags: